Federação Nacional das Associações dos Oficiais de Justiça Avaliadores Federais

Federação Nacional das Associações dos Oficiais de Justiça Avaliadores Federais

FENAJUFE CONDENA REFORMA DA PREVIDÊNCIA NA CDH DO SENADO PDF Imprimir E-mail
Escrito por jornalista Caroline P. Colombo   
Ter, 28 de Março de 2017 14:22

A Fenajufe condenou as reformas da Previdência e Trabalhista como veículos de uma mudança ilegítima das escolhas da sociedade brasileira, materializadas na Constituição Cidadã, de 1988. A afirmação foi da coordenadora Adriana Faria durante audiência pública na manhã desta segunda-feira (27), na Comissão de Direitos Humanos (CDH) do Senado.

A dirigente lembrou que a Constituição de 88 foi resultado da insatisfação e de muita luta de povo, que elegeu a dignidade da pessoa humana e a prevalência dos Direitos Humanos, como princípios norteadores da Nação. Mas que agora, o governo quer obrigar a população a aceitar uma ruptura constitucional com mudanças das escolhas da sociedade, elaboradas “dentro de gabinetes por pessoas que não têm o menor compromisso com o povo”.

Na avaliação da coordenadora, o governo propõe o estado mínimo como resposta a uma situação de crise, sem ouvir a sociedade, “ignorando os gritos da sociedade”, afirma. Para ela, a reforma da Previdência é uma mudança do caráter de uma Nação.

com a Fenajufe