NOTÍCIAS

05/11/2019 15:42:37

DIRETOR DA FENASSOJAF PARTICIPA DE WORKSHOP SOBRE BOAS PRÁTICAS NA EXECUÇÃO NA UNIVERSIDAD ATLÁNTIDA DE MAR DEL PLATA


O vice-diretor financeiro e responsável pelas Relações Internacionais da Fenassojaf, Malone da Silva Cunha, participou, nesta segunda-feira (04), de um workshop sobre "Buenas prácticas en la ejecución", ocorrido na Universidad Atlántida de Mar del Plata, na Argentina.

A participação da Fenassojaf ocorreu a convite da Associação de Oficiais Notificadores e de Justiça de Mar del Plata, uma vez que Malone está na Argentina para o Encontro Internacional de Oficiais de Justiça organizado pela UEJN em Buenos Aires.

Durante apresentação para uma plateia formada, em maior parte, por Oficiais de Justiça argentinos, o diretor brasileiro expôs situações de risco vividas pelos Oficias de Justiça no Brasil e explicou o trabalho desempenhado pela Federação, através de diversas frentes incluindo o Mercosul, para o reconhecimento da atividade de risco em todos os países membros do bloco.

"Os colegas argentinos ficaram muito empolgados, pois perceberam que a vitória da Fenassojaf nesse ponto trará benefícios não só aos Oficiais de Justiça do Brasil, mas de todos os países do Mercosul. Por isso, nós requeremos que eles exerçam pressão também em seus representantes no Parlasul", afirma Malone Cunha.

Conforme já divulgado, o objetivo da Fenassojaf é fazer com que a bancada brasileira no Parlamento do Mercosul apresente uma proposta de declaração que reconheça o risco na atividade exercida pelo Oficial de Justiça. Para tanto, a Federação das Associações de Oficiais de Justiça busca o apoio da categoria em todos os países membros do bloco, para que ocorra votação favorável junto às suas bancadas.

O workshop desta segunda-feira contou, ainda, com a participação de Oficiais de Justiça representantes da Rússia, Moldávia e Romênia, além da secretária do Ministério da Justiça e Direitos humanos da Argentina, Mariana Franco; do Presidente da Associação de Oficiais de Justiça de Mar del Plata, Maximiliano Jesus Marchese Monterisi e da Coordenadora da Universidad Atlántida, Verónica Santiago.

Após o evento, o diretor da Fenassojaf firmou acordo com a Universidad Atlántida para cooperação científica, sem obrigações financeiras, para que os Oficiais de Justiça do Brasil possam participar de cursos e intercâmbios com condições mais vantajosas. O convênio inédito entre Fenassojaf e Universidad Atlántida teria duração de cinco anos e ainda aguarda a confirmação dos órgãos deliberativos de ambas as entidades para a vigência.

Outras atividades – Na manhã da segunda-feira uma comitiva de Oficias de Justiça estrangeiros visitou a Central de Mandados e a sede do Poder Judiciário de Mar del Plata, sendo recebida pelo juiz camarista daquela cidade, Rodrigo Cataldo.

Na oportunidade, a Fenassojaf foi apresentada ao magistrado que conheceu parte da realidade dos Oficiais de Justiça durante o cumprimento das ordens judiciais no Brasil, “que não muda muito da Argentina”, informa Malone da Silva Cunha.

“Foi um dia bastante produtivo, onde pudemos não só integrar a Fenassojaf às atividades agendadas com os demais Oficiais de Justiça que já estão na Argentina para o Encontro Internacional, como também tivemos essa grande oportunidade de firmar a parceria com a Universidad Atlántida em benefício dos Oficiais brasileiros”, finaliza o vice-diretor da Federação.

ENCONTRO INTERNACIONAL - Vinte e seis Oficiais de Justiça brasileiros estarão em Buenos Aires nesta semana para o 1º Encontro Internacional da União dos Empregados da Justiça da Nação Argentina (UEJN).

Com o tema “Encurtando distâncias nós trazemos justiça”, o evento acontece nesta quinta (07) e sexta-feira (08) no Salón de la Oficina de Subastas Judiciales, daquela capital.

Além do presidente Neemias Ramos Freire, da diretora de comunicação Mariana Liria – uma das palestrantes – e do vice-diretor financeiro e responsável pelas RIs Malone Cunha, a Fenassojaf será representada pela vice coordenadora da região Sul, Marília Sara Portela Machado e pelo vice da região Sudeste, Marcos Venícios de Siqueira.

Outros 21 Oficiais, entre federais e estaduais, compõem a delegação brasileira que estará na Argentina a partir desta quarta-feira (06) para os debates.

Da Fenassojaf, Caroline P. Colombo